Quem sou eu

Minha foto
São Paulo, SP, Brazil
Especialista em Desenvolvimento Humano, Luciana Ribeiro é formada em Psicologia e Administração de Empresas, com pós-graduação em Administração de Recursos Humanos; tem formação em Personal, Professional e Leader Coaching pela Sociedade Brasileira de Coaching. Também tem formação em O.P.H (Osho Prana Healing), Florais de Bach e Reiki. Atua como Psicóloga Clínica, Coach, Terapeuta Floral, Terapeuta de O.P.H. e de Reiki. Ela associa seus conhecimentos em um trabalho que visa desenvolver o ser humano através do autoconhecimento, da expansão da consciência e do fortalecimento emocional, pois acredita que através disto um processo de transformação aconteça de forma autêntica e assertiva, gerando resultados positivos nas diferentes esferas da vida da pessoa. Também atua como Professora de Inglês desde 2005, após anos de estudo do idioma e vivência no exterior.

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Motivação

Por Luciana Ribeiro,

O que será que nos faz acordar todos os dias e fazer o que fazemos?
O que nos faz abraçar um novo projeto?
O que nos faz superar desafios?

Existe uma motivação interna do ser humano na busca do prazer e da felicidade para satisfazer seus desejos mais profundos.

Cada um é motivado por algo. Alguns são pelo poder, outros pelo dinheiro, outros pelo status, outros por relacionamentos sinceros ou por sentir que estão sendo úteis para a humanidade; enfim, cada um tem sua fonte de motivação.

Quando nos colocamos em um novo projeto, a pergunta principal que temos que fazer é: Eu estou motivado? Se não, pergunte-se: Como me motivar?
Só há uma maneira de ficar e permanecer motivado para algo; é quando este algo vem de uma paixão, algo que faça seu coração “pulsar”.

Se você decidiu estudar inglês precisa encontrar uma motivação interior para superar os obstáculos e realmente abraçar o projeto. Mas essa motivação tem que ser genuína. Você precisa sonhar e se visualizar no futuro realizando o sonho que virá como resultado do aprendizado.

Se sua motivação é falar inglês para, por exemplo, conseguir um novo cargo, você precisa se visualizar no cargo; precisa sonhar com o cargo, precisa realmente querer o cargo.

Lembro que quando eu era aluna de inglês, decidi que queria ser professora. Embora soubesse que havia uma longa estrada a percorrer, toda vez que saía da aula falava para mim mesma “um dia vou falar tão facilmente como meu professor e serei uma ótima professora”.
Foi essa motivação que me fez superar os dias ruins. Foi essa motivação que fez com que eu procurasse um programa de intercâmbio e morasse 1 ano longe da minha família e amigos superando cada dia um novo desafio.

Realmente foi uma longa caminhada, que começou com o primeiro passo e eu sei que ela será uma construção contínua, porque sempre teremos o que aprender, mas meu objetivo inicial foi alcançado.

Quando voltei, procurei meu antigo professor e disse: “Vamos conversar”. Após a nossa conversa eu estava finalmente satisfeita com meu inglês. Depois comecei dar aulas na mesma escola em que estudei.

Não basta querermos, temos que querer com o coração. A mente te ajudará com a gramática, mas será o coração que te deixará na estrada, porque sonhar é o que nos leva longe.

Você já se perguntou por que lutamos tanto para conquistar algo que queremos, como um carro, uma casa, um trabalho, entre outros e quando alcançamos parece que, pouco tempo depois, aquilo perde a graça ou fica “normal” e precisamos de algo novo?

Eu penso que é porque o que nos motiva é o sonho, o como será quando chegarmos lá; é a caminhada que nos faz viver e é a paixão pelo sonho que nos ajuda a permanecer na estrada.

Qual a sua motivação?
Acessem o link abaixo e vejam um vídeo chamado “É preciso sonhar”.
A música de fundo chama-se When you believe (quando você acredita). Cantada pela Whitney Huston e Mariah Carey.


http://www.youtube.com/watch?v=vk8Bjcv8J18


Have a nice week!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget